quarta-feira, 6 de março de 2013

E se não tivéssemos memória?


   
  Como seríamos se não tivéssemos memória, se cada dia fosse algo totalmente novo, desconhecido, igual ao filme “ Como se fosse a primeira vez”, sendo que a história conta o relato de uma jovem que perdeu a memória e só lembra de fatos ocorridos anteriores a tal data, sendo assim seu pretendente investe em diversos artifícios para mantê-la apaixonada por ele.
   Entretanto na vida real existe a Síndrome de Susac, que em determinadas pessoas, ela só permite lembrar o que aconteceu nas últimas 24 horas. Esta síndrome é uma desordem cerebral tão rara que apenas 250 casos foram relatados até o momento no mundo.
   Estranho vivenciar uma situação destas, pois nos constituímos através de nossas memórias, através delas acessamos nossas vivências, nossos conhecimentos, fatos que são tão nossos e não pertence a mais ninguém.
   Lembrar dos primeiros anos da infância, primeiros dias de escola, primeiras experiências fora do convívio da família, somente a nós, dizem respeito...nossas lembranças são carregadas de emoções...
   O acervo das memórias em cada um nos converte em indivíduos...

2 comentários:

  1. olhando por um lado poderia ser bom por exemplo se acontecesse alguma coisa de ruim conosco não precisaríamos se sentir mal porque não lembraríamos do que aconteceu kkkkkkk.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossas experiências, tanto boas e quanto ruins é que nos fazem ter habilidades de lidar com futuras situações. O importante é se manter em equilíbrio e tentar extrair o máximo de qualquer situação. Quanto a não se sentir mal diante a experiências ruins é uma opção de cada um, afinal existem terapeutas para quê?

      Excluir